Tag Archives: Bull

Angulo da media movel e trend following

Ja comentei de trend following aqui no blog e com certeza é minha estrategia preferida.

Esta  estrategia é utilizada pelos “melhores” traders … err, ou pelo menos meus preferidos, do livro Marke Wizards. Tambem é a estrategia onde a maxima “cut your loss short and let your profits run” faz todo sendo.

O reves desta estrategia é que ela tem relativamente um baixo indice de acerto. Geralmente algo em torno de 30% a 40% e dependendo de suas regras de money management pode te dar drawdowns fortes. Porem, utilizando esta estrategia vale a verdade da NAO necessidade de estar certo a maior parte do tempo pra ser lucrativo no mercado.

Tambem Trend Following é uma estrategia que exige paciencia, pois o mercado somente esta em tendencia 35-40% do tempo. Pelo menos na minha definicao do que é uma tendencia e isso varia de acordo com o metodo de cada um. POr exemplo, segundo minha pesquisa e minha definicao de tendencia o XJO, indice das 200 maiores empresas da ASX (bolsa australiana) nos ultimos 15 anos esteve 59% do tempo de lado, 27% bull e 14% bear. Mas isto é assunto para um outro post.

Agora se voce esta acompanhando o blog e ja leu sobre trend following deve estar ou ja se perguntou como que esta estrategia funciona nos detalhes????

Então, vou compartilhar com voce alguns dos meus “segredos” de como operar.

Na verdade nao tem nenhum segredo. So estou colocando aqui no blog uma informacao publica que algumas pessoas acreditam e fazem dinheiro delas, outras nao acreditam e ignoram e outras simplesmente nao sabem.

Basicamente trend following funciona assim passo a passo.

1-      Voce idenfifica uma tendencia

2-      Voce entra na direcao da tendencia

3-      Voce continua na direcao da tendencia ate ela parar ou mudar de direcao

Simples assim? SIM.

Nem tanto, pois sao conceitos vagos ate aqui. Como que matematicamente e objetivamente eu define os passos 1, 2 e 3.

Neste post vou me dedicar ao passo 1 de como identificar tendencias?

Existem zilhoes de metodologias, mas vou dedicar este post a uma metodologia de identificar tendencias no mercado de acao. Lembre que a pesquisa que fiz funciona para o mercado Australiano. Eu nao fiz a pesquisa com os dados das acoes da BOVESPA.

Enfim, um dos principais gates, ou criterios, do meu sistema que uso é o angulo da media movel.

Em outras palavras:  É a medida da inclinacao da media movel.

A formula eh a sequinte.

((Media Movel(hoje) (nperiodos)) – ( Media Movel(nperiodo atras) (nperiodos))) / ATR (nperiodos)

Traduzindo para o portugues. O valor da media movel dos ultimos xdias de hoje, ou period zero,   menos a media movel dos ultimos xdias olhando xdias atras dividido pelo average true range dos ultimos xdias.

Complicado? Talvez pareca a primeira vista, entao vou tentar explicar passo a passo com um exemplo ficticio.

Vou quebrar em partes.

Exemplo de uma acao XYZ4.

Media movel de 200 periodos hoje (24/09/2010) = 50

Media movel de 200 periodos a 50 peridos atras (20/07/2010)= 30

ATR medio de 200 periodos= 2

Resultado= (50-30)/2 = 10

Em outras palavras posso dizer que esta acao subiu 10X o ATR medio nos ultimos 50 periodos. Isso é um forte indicative que a acao esta em uma tendencia de alta.

Quando o resultado for um numero negativo a interpretacao sera contraria, ou seja, uma tendencia de baixa.

Quando mais positivo for o numero mais subindo a acao esta e quanto mais negativo o numero mais caindo a acao esta. Desta forma que isto me ajuda a fazer um filtro de selecao das acoes para comprar e vender.

Por exemplo veja o grafico da acao Australiana das 200 maiores que tem a maior inclinacao de angulo de media movel do momento = 3.8

Veja a inclinacao da acao que tem o nenor angulo de media movel

Essa tecnica ajuda a colocar na minha “watch list” dos sistemas de trend following que tenho. As acoes que tem angulos bem positives ou negatives sao as candidatas a operacao. Assim identifico quem esta fortes (para entrar comprador) ou as fraco (para entrar vendido). O mercado tem estado bem de lado nos ultimos 12 meses, mas surgiram boas oportunidades de ganhar na ponta da venda, principalmente.

Agora mesmo com este indicador, que acho bom pra caramba, o sistema so acerta 30 a 40% das vezes. Na maioria das vezes eu tomo porrada do mercado, mas o que me mantem vivo no jogo sao minhas regras de money management e position size. Em sistemas de trend following o mais importante nao é a entrada mas a saida. Tipo uma vez perguntaram para o Ed Seikota: “Quando eu identifico que uma ação esta em tendencia, quando que eu entro?”. A resposta foi:”Como assim? quando voce entra? Eu que me pergunto porque voce JA nao esta na tendencia”.

O cara é um pouco irreverente, mas quis usar sua citacao para enfatizar que a entrada nao é tao importante quanto a saida em um sistema de trend following.

Dai a importancia do Stop Loss e Taking Profit ser tao importante.

18 Comments

Filed under Trading Plan

Debate Inflação/Deflação (Inflation/Deflation)

Talvez o topico de Inflação/Deflação é um grande assunto negligenciado pela midia main stream e pra mim hoje é a coisa mais importante a se monitorar se voce é um trader que se interessa com a visão do todo, como eu.

Ainda nao toquei aqui no blog sobre o que acho da influencia das noticias em trades. Lembro que ainda recem formado trabalhando na Hegding Griffo um amigo meu me disse um cliché: “A midia é uma meio de manipulacao das massas”. Nao poderia ser a mais pura verdade, alias eu acho que vou mais longe “a midia, principalmente a main stream, é um meio de anestesiar a massa”. Já há algum tempo eu leio jornal so pra me divertir aos sabados. Tipo dar umas risadas pra ter uma ideia do que a massa esta lendo e o que os reporters estao escrevendo.

Hoje confesso que desenvolvi a habilidade de separar o joio do trigo, isto é ainda tem alguns poucos lucidos que escrevem coisas que fazem sentido, mas a maioria é lixo, enfim isso é assunto para outro topico.

Televisao em casa fica desligada a nao ser para assistir um DVD, uma comedia. esportes ou um documentario. Noticia mesmo so on demand na internet e faco isto ha muito tempo.

Voltando o debate deflacao e inflacao acho crucial acompanhar como este debate vai se desenrolar e como isso pode influenciar o seu trade, seja ele bolsa, commodies, futuros ou Forex.

Acho interessante ler o post sobre definicao de dinheiro, inflacao e deflacao para entender melhor deste ponto em diante.

Basicamente na blogsfera existe um debate intenso e recomendo pesquisar os seguintes caras que acampanho.

Do argumento da inflacao:

  • Marc Faber: Editor do Gloom Boom and Doom report. Sempre está na midia e tem uma porrada de video dele no YouTube.
  • Peter Schiff: Dono da Euro Pacific Capital. Sua popularidade na midia é grande e tentou se candidatar ao senado nas próximas eleições (2010), mas perdeu a nominação. Basicamente Peter é o que chamamos de um gold bug. O cara acha que ouro vai estourar, mas acho que não seja um cara que tem um timing bom, e dizem que seus clientes perdem grana por não ser um bom trader, apesar de ter cantado bem a bola da crise de 2008. Acho que seu defeito, segundo Mish (veja abaixo), é que sua visão é muito centrada nos EUA.
  • Michael Pento: Economista da Delta Global Advisors sempre esta na CNBC comentado e recentemente foi praticamente expulso do ar pela musa Erin Burnett no ar. Prai da pra ver que o cara não tem papas na lingua.
  • Jim Grant: Um dos economista que mais entendem do mercado de Bond e taxa de juros. Seu site.

Agora do lado da deflação

  • Mish Schedlock: Apesar de não ter uma formação em economia é um dos caras que acho que mais entende da dinamica de economia mundial. Mish é um fenomeno e o seu blog é o mais lido de economia no mundo. O cara ter formação em TI e começou a blogar porque ficou desempregado e não conseguia se recolocar na área. Neste caso perder o emprego foi para o bem. Seu blog é o Global Economic Analysis.
  • Hugh Hendry: Hedge Fund Manager da Eclectica Asset Management. Atualmente rankeado o Hedge Fund mais rentavel do ano pela Bloomberg. Não perco uma aparição dele na midia pela sua irreverencia e sinceridade. Da pra dar umas boas risadas. O cara é um genio.
  • David Rosemberg: Economista chefe da Gluskin Sheff Associate. Sempre está na midia e é uma das principais assumidades em bonds e sempre fala sobre suas visões sobre onde o mercado de bonds esta indo. Segundo ele para niveis nunca imaginados antes.

Apresentado os protagonistas da discussão, vou tentar resumir as duas linhas de pensamento aqui.

Os que defendem inflação acham que havera no futuro proximo, e isso pode ser em 1 ou 5 anos, uma hyperinflacao na verdade, que será causada principalmente pela impressão de dinheiro nos EUA o que levara ao colapso no Mercado de bonds nos EUA e do USD.  O preco das commodities, que sao hoje denominados em dolares irao disparar em consequencia do colapso das verdinhas, principalmente ouro que segundo os inflacionistas é um hedge  contra a inflacao.

Os inflacionistas estao posicionados basicamente em dois trades. Estao comprados (long) em ouro e outros  metais preciosos (e.g. prata e platinum) e vendidos em US treasury. Eles acreditam que os EUA nao vao dar conta de servir os juros da divida e acha que a situacao de debito vai piorar com as obrigacoes futuras como seguro social, previdencia e seguro saude que o governo atual (Obama) e outros passados estao se compromentendo.

Um outro argumento defendido bem por Jim Grant é que o ciclo dos Bond Yields que estao em queda desde 1982 hoje estao nos niveis mais baixos da historia e quando eles atingem o fundo do poco eles comecarão a subir.

Nao é o escopo entrar em detalhe, mas uma forma de combater a inflacao é aumentar as taxas de juros, assim sua premissa esta em que os yields (juros) dos bonds vao aumentar em consequencia da pressao inflacionaria. Jim acredita que o mercado de Bond é uma enorme bolha.

Por outro lado, o argumento dos deflacionistas é o seguinte:

Não é tão simples como o oposto da visão inflacionária. O que dizem é que existe na economia ciclos de expansão e de contração de credito, sendo deflação a parte do ciclo de contração de crédito. Eles explicam que o que aconteceu de mais ou menos 1982 ate 2007 foi uma absurda expansão de credito na economia, como nunca visto antes, onde as pessoas, empresas e bancos ficaram absurdamente endividados basicamente no mundo todo e nao tem mais condicoes de tomar mais divida.

Neste periodo de expansao de crédito o valor dos ativos, como propriedades, commodities e patrimonio em geral aumentaram muito e foram basicamente inflados por esta criacao de divida e alavancagem. Assim se chegou em um ponto onde eles acreditam que o mundo gerou uma capacidade produtiva onde nao pode se consumir mais a nao ser com mais expansao de credito.  Entretanto, nao da mais para aumentar  mais a divida, pois ela esta nos limites do insuportavel.

A teoria deflacionista explica bem a crise que deu em 2007/2008, a pior desde a crise de 29, que pra mim ainda esta acontecendo. Quando a crise estourou as pessoas, instituicoes financeiras e empresa nao conseguiam mais carregar a divida que tinham. A divida durante decadas estava artificialmente aumentando o preco dos ativos. Assim, em 2008 o credito facil secou no sistema e o Mercado entrou em um colapso e todos tiveram que se livrar dos ativos para pagar as dividas e  “ todo mundo”, ou pelo menos a maioria, ficou debaixo d’agua, pois a divida ficou maior que os ativos, gerando patrimonio liquido negativo. Isto basicamente é o cenario deflacionario, causado principalmente pela contracao do credito.

O que tem acontecido nos ultimos 2 anos, desde que o  Lehman Brothers quebrou e a crise se acentuou é que apesar dos juros nos EUA estarem praticamente zero % e o FED (Banco Central Americano) tem impresso mais de 1 trilhao o credito continua ainda contraindo e nao ha sinais de inflacao.

Mas como podemos acompanhar qual cenario vai se desenrolar e quem esta ganhando o argumento no momento?

Eu acompanho basicamente 2 coisas

  • Preco dos Bonds
  • Preco do ouro e commdities em geral

Atualmente a coisa esta um pouco confusa porque o preco do ouro esta sugerindo inflacao, pois o preco tem subido fortemente nos ultimos 10 anos e mais acentuadamente nos ultimos 2 fazendo novos recorde de precos recentemente. Por outro lado, o preco dos bonds estao sugerindo deflacao, pois o preco dos titulos estao subindo e as pessoas estao bem aversas a risco com medo da bolsa, por exemplo.

No geral acho que deflação esta ganhando o debate. O que acontece atualmente nos EUA  é uma outra caracteristica de periodos deflacionarios. A confianca do consumidor fica baixa e as pessoas consomem menos, as empresas produzem  menos, existem cortes, o desemprego aumenta e os precos caem.

Qual a opiniao de Velaepavio?

Eu particularmente tendo mais a advogar a deflação, pelo menos no curto e medio prazo. Digo nos proximos 2 a 5 anos e dependendo da acao de varios protagonistas ao redor do mundo podemos voltar a um novo ciclo de crescimento la na frente (2015+) ou ter o caos da hyperinflacao que segundo Mish é tão improvavel que será basicamente o fim do mundo (the game end).

Eu acredito que no momento estamos em um secular Bear Market e a coisa ainda vai ficar feia nos proximos 2 a 5 anos ate termos um novo bull market. (assunto para outro post)

Finalizando, o que vai desenrolar depende dos principais protagonistas que são:

  • EUA
  • China
  • Europa ( principalmente os PIIGs Portugal, Espanha, Italia, Irlando e Grecia)
  • Outros Emergentes : Russia, Brasil e India, mas com pouco poder de decisao.

O principal problema de fazer previsoes é que nao se sabe o que se passa pela cabeca de Ben Bernanke, Obama, Hu Jintao, Jean Claude Trichet e membros da Uniao Europeia como Grecia. Tambem existem outros probleminhas pela frente como Iran, Climate Change e falta recursos em geral no futuro, como petroleo, fertilizantes e comida.

Acho que chega por este post…

Desenvolverei o assunto The Big Picture entrando em mais detalhe nos futuros posts. As ideias sao coisas como

–          Entenda a atual crise e onde estamos no momento

–          O que o Mercado de bonds estao dizendo

–          Ouro esta indo em direcao a 5000?

Caso tenha alguma sugestão ou duvida deixe um comentário.

5 Comments

Filed under Reflexão, The Big Picture

Trader Fundamentalista vs. Tecnico

A primeira vez que ouvi a distinção entre trader fundamentalista e tecnico, foi em uma palestra de recrutamento na GV. Lembro muito bem deste dia, como se fosse hoje.

O Banco Pactual em uma de suas palestras com Andre Esteves, palestrando para uma audiência de uns 25 alunos. No dia ele não era a estrela que é hoje no mercado financeiro brasileiro. Lembro que na epoca ele era apenas um socio trader do Pactual. A epoca era 1998 e isso foi meses antes que ele “ajudou” a quebrar o Marka/FonteCidam de Cacciola.

O Andre Esteves era um dos traders que estava comprado (long) em USD/BRL em 1999 na crise do cambio. O Marka estava vendido (short) na outra ponta do trade. Enfim, voce sabe o final da historia.  O Marka quebrou e o Andre Esteves virou estrela e depois acionista majoritario no Pactual.

Andre explicou a diferença entre os dois tipos e basicamente são as seguintes sem muita enrolação.

O trader fundamentalista compra ou vende um ativo olhando para os fundamentos. Por exemplo, no caso do câmbio fundamentos importantes são, fluxo de dinheiro, balança comercial, taxa de juros, situação politica, eleições etc. Isso tudo influencia a oferta e a demanda por uma determinada moeda. No caso de ações, por exemplo, um trader fundamentalista olharia, para o balanço da empresa, o lucro, a projeção de fluxos de caixas, competidores, por exemplo.

O trader tecnico, por outro lado, não olha nada disso. O que importa é apenas duas coisas. PRECO e VOLUME. Com certeza com mais ênfase ao preco. Para o trader tecnico todo o resto é “irrelevante”, pois toda a informação é refletida no preço.

Andre Esteves era um trader fundamentalista e se deu muito bem em sua carreira. Existem outros excelente traders fundamentalistas como Jim Rogers. Outro fundamentalista bem sucedido é Warren Buffet. Não vou coloca-lo na categoria de trader. Ele é mais conhecido como investidor, pois esta interessado em ser investidor no longo prazo, ou melhor ad eternum, segundo ele próprio.

Qual é a melhor opção? Qual é o melhor método?

A resposta é os dois. Vai depender apenas de você qual destes tem mais a ver com você, ou melhor, qual deles ajusta mais a seus objetivos e sua personalidade.

Existem traders que usam os dois. Agora é um erro dizer que um esta certo e outro está errado.

Tem um video de Jack Schwager que onde ele explica bem o que estou tentando dizer aqui.

Ele fala de dois traders, entrevistados em seu livro Market Wizards, extremamente bem sucedido. Um deles Jim Rogers e outro Marty Schwartz. Marty era um analista fundamentalista com MBA que ganhava bem sendo analista fundamentalista, mas vivia quebrado porque perdia todo seu dinheiro tradando o mercado baseado em suas analises fundamentalistas. Depois que mudou seu metodo para tecnico comecou a render 20% ao mes durante mais de uma decada.

Jim Rogers, que fundou o Quantum fund com George Soros, esta trilhardario olhando basicamente so fundamentos. Na opinião dele ele não conhece nenhum analista tecnico rico, a não ser aqueles que vendem o seu metodo.

Enfim a conclusão aqui é que o metodo não é importante, mas sim o que funciona pra você.

Eu hoje no meu trading sou tecnico, entretanto, eu acho extremamente importante fundamentos. Eu não baseio minha decisão de comprar ou vender um ativo devido a seus fundamentos, mas pra mim fundamentos funcionam para me dar a visão do todo. Como por exemplo, direção do mercado (bull/bear), analisar os ciclos de longo prazo, riscos eminentes e etc. Isso mais porque gosto de economia. Interessante é que muitas vezes percebo que os fundamentos seguem o preço geralmente, pois quando a informação chega ao publico o preço já incorporou a informação nova. A controvérsias, mas esta é a opinião de um cara tecnico.

Vou dedicar parte deste blog pra discutir so sobre fundamentos economicos, como o debate Inflação/Deflação por exemplo.

Voltando na linha que estou discutindo aqui no blog vou discutir daqui pra frente sobre o que aprendi sobre trading e um pouco dos meus métodos, já que finalmente cheguei no momento atual da minha jornada.

Meu estilo de trading é mecanico. Em outras palavras eu tenho um monte de regras que definem meu trading plan como.

– Quando comprar

– Quanto comprar

– Quanto arriscar

– Quando vender

Em Ingles sou conhecido como system based trader. Eu tenho um sistema onde sigo as regras. O que tenho que fazer pra ser bem sucedido é somente seguir as minhas regras. Simples assim. Vou discutir aqui quais os segredos pra ser um bom trader tecnico sistemático.

Antes de avançar mais vale colocar aqui que os traders tecnicos se subdividem em dois tipos.

  • Discrecionario
  • Mecanico.

mas isso é assunto para outro post.

6 Comments

Filed under Fundamentos, Jornada, Reflexão