A saida é muito mais importante que a entrada

Whenever I enter a position, I have a predetermined stop. That is the only way I can
sleep. I know where I’m getting out before I get in. The position size on a trade is
determined by the stop, and the stop is determined on a technical basis. – BRUCE KOVNER

No meu eBook sobre backtest eu bato na tecla que a saída é mais importante que a entrada, mas eu nunca escrevi um post sobre isto.

Agora queria comprovar estatisticamente com um backtest que isto, que sempre falo, não é ilusão ou coisa da minha cabeça.

Então aqui vai a prova.

Eu tenho um sistema, alias dois, de trend following que tem EXATAMENTE a mesma entrada só que a saída é diferente.

Mais uma vez, isto so para comprovar que a entrada é menos importante do que a entrada.

Por incrível que pareça todo mundo que ensina analise técnica, que na minha opinião é a parte menos importante, focam nas técnicas de entrada ou nos set ups de trading.

As regras destes sistemas de trading following são bem simples e é como deve ser.

O sistema compra break out de 3 dias em ativos que já estão em uma tendência e estão congestionado em um nível de preço.

A saída é um trailing stop ATR do ponto de entrada.

Um sistema mais de curto prazo utiliza um parâmetro de 2.5 ATR e o outro 4.5 ATR para o stop. Todo o resto do sistema é exatamente igual.

Da pra perceber que o de 2.5 tem um stop mais curto e acaba sendo stopado mais frequentemente e o 4.5 deixa o mercado trabalhar um pouco mais e é stopado menos frequentemente, entretanto o de 4.5 acaba sendo mais de longo prazo e os trades duram mais tempo. Cerca de 64 barras.

Veja os resultados do back test na mesma carteira de ativos dos dois sistemas de trading

ATR STOP2

O que é mais importante no sistema é a Expectancy ou expectativa do sistema. Eu discuti aqui neste post se tem interesse em saber mais sobre o assunto. Neste quesito o sistema de 4.5 ATR é melhor.

Veja um exemplo de um trade do sistema ATR de 4.5

ATR45 Sugar

 O Stop 4.5  ATR da muito mais espaço para o trade trabalhar e acaba pegando grandes tendencias com esta.

Agora olha só um tipico trade do sistema com um stop mais curto

ATR25 Wheat

 

Entretanto será stopado mais frequentemente

No próximo gráfico mostrarei um trade do sistema 4.5 ATR, mas com uma sobreposição da mesma entrada só que usando a saída 2.5 ATR

ATR25 and 45 Soybean

 

Veja com o Stop 4.5 aproveitou bem melhor o movimento. 

Segundo alguns traders profissionais a maior parte do dinheiro é feito sentado não fazendo nada. Por isso eu não sou adepto do day trading, que pra mim abre grande espaço para usar o trading com uma forma de medicar seus problemas psicológicos seja qual ele for.

 Para finalizar. Qual sistema utilizar?

Do ponto de vista de expectancy e pagar menos comissão o sistema 4.5 ATR é melhor, entretanto o sistema 2.5 ATR da mais oportunidade de operar e ajuda a crescer o capital mais rápido, mas é stopado mais frequente. Como a regra de entrada é no break de 3 dias, naturalmente o sistema pula no mercado rápido se leva uma violinada. (whipsaw)

Na minha opinião eu prefiro diversificar entre os dois. 

Em mercados que estão em tendencias mais fortes o sistema 4.5 performa melhor, mas em mercado meio de lado com tendencias de médio prazo o sistema de 2.5 acaba sendo melhor.

Enfim vai da preferencia de cada um. A coisa mais importante é gerenciar risco e desenhar um sistema que adapte a sua personalidade.

 

10 Comments

Filed under Uncategorized

10 Responses to A saida é muito mais importante que a entrada

  1. João Corinthiano

    aprendo muita coisa nesse blog.

  2. Jean

    Muito bom Vela, conceitos básicos que devemos lembrar na hora de montar uma estratégia.

  3. Julio

    Vela, Muito bom!A saída torna-se um ponto muito mais difícil para o trade discricionário que para o mecânico. Atualmente tenho executado meus trades me guiando apenas pela frase trade is your friend! Só que determinar o final da tendencia é algo extremamente difícil, mesmo assim tem sido uma boa experiencia!

    • Julio,

      Traders discricionários devem focar na questão de gerenciamento de risco e psicológica tao quanto ou MAIS que os mecânicos, pois o mecânico não questionam o sistema. Já o discricionário está MUITO mais vulnerável ao emocional.

      Abraço

      Vela

  4. Anderson

    Pedro, dúvidas…
    Abaixo estão duas citações que tirei do seu post:

    - “ativos que já estão em uma tendência”

    - “mercados que estão em tendencias mais fortes o sistema 4.5 performa melhor, mas em mercado meio de lado com tendencias de médio prazo o sistema de 2.5 acaba sendo melhor”

    Você tem um critério quantitativo/objetivo para definir essas situações?
    Ou você define isso com base em uma análise subjetiva?

    Abraço,
    Anderson.

Leave a Reply