Monthly Archives: March 2013

Quer melhorar o seu trading?

“The best way to become a better trader is to become a better person” Ed Seykota 

Ontem cheguei de Sydney com vários tesouros na minha mala e com o verdadeiro segredo de como se tornar o melhor trader que posso ser.

Participei dos Workshops do Van Tharp Peak Performance 101 e 202. Foram sete dias de treinamento intenso e o resultado final, muito mais de que um trader melhor, é uma pessoa melhor, mais feliz, mas consciente e que se conhece melhor.

Um dos motivos que resolvi voltar a escrever neste blog é compartilhar minha jornada, principalmente a parte de desenvolvimento pessoal e a parte psicológica.

Já venho estudando o mercados e a profissão de trading consistentemente, li mais de 30 livros e desenvolvi e testei mais de 20 sistemas lucrativos, mas não atingi de perto o sucesso que esperava e eu me rendi para a questão da psicologia. Minha constatação, e  gostaria de corrigir aqui, que trading não é 60% psicológico, 30% gerenciamento de risco e 10% sistemas, mas sim 100% psicológico.

Devido a esta constatação que me matriculei nos workshops do Van e acredito ter sido a melhor coisa que já fiz na minha vida.

Também nesta semana que estive em Sydney eu li o novo livro do Van, Trading Beyond the Matrix: The Red Pill for Traders and Investors

Neste livro Van sumariza bem a sua filosofia e pra mim o livro é a fórmula para o sucesso em trading. A grande questão, como qualquer formula, ela precisa ser executada e não depende de mais ninguém a não ser você para fazer acontecer.

Vou compartilhar com vocês minha experiência e quais foram minhas conclusões depois destes intensos sete dias.

A missão do Van Tharp Institute é: Transformar Pessoas usando o Trading como Metáfora. 

O Trading pra mim é uma das atividades mais difíceis de ser dominada com maestria e constatei que por isso que me interesso por trading. Um outro aspecto que acredito trading me atrai é por naturalmente ser alguém que quer se desenvolver na área espiritual e admito que o “mercado” é um excelente professor.

Antes desta semana eu tinha várias dúvidas sobre isto, mas agora várias fichas caíram e tudo está mais claro. Isto tem tudo a ver com a questão psicológica que falei lá em cima. Pra mim, precisei quebrar a cara mais de trezentas vezes para me render a esta constatação verdadeira. Você que está lendo este post sempre tem duas opções: continua lendo o post pra saber como que isto pode te ajudar ou parar e fazer algo que acha mais importante. No final cada um é responsável por priorizar o que cada um acha importante.

Vamos então as minhas conclusões que vou aplicar na minha vida como sendo a verdade para mim.

A psicologia é a coisa mais importante porque é através da mente que tomamos controle da nossa vida ou somos controlados por uma outra “força” que nos quer distanciar da verdade.

Estas coisas começaram a fazer mais sentido na minha jornada quando comecei a ler e estudar o material de Napoleon Hill há uns seis meses atrás. A grande verdade é que nós somos o que pensamos. Se pensamos fracasso e pobreza, somos exatamente isto. Se pensamos de forma mediana somos medianos. Se pensamos que somos bem sucedido, então, somente então, somos bem sucedidos.

Simples assim? Sim.

Mas deve ter alguém pensando… mas eu a pensei que quero ser rico e nunca fiquei…

Sim mas a outra pergunta que te faço é a seguinte. Quantas vezes você pensou em ser pobre? Ai que está a questão. Quais são seus pensamentos DOMINANTES.

Eu nasci numa família católica e com 13 anos me converti, nasci de novo, na igreja evangélica. Nestes mais de 20 anos lendo a Bíblia e tendo um relacionamento com Deus estas coisas de pensamento, oração, destino, livre arbítrio realmente me incomodaram crescendo em um ambiente espiritual institucionalizado.  Eu mudei muito ao longo dos anos buscando a verdade e o fato de nos últimos anos ter me interessado por trading faz parte desde processo de aprendizado.

Se chegou até este ponto, ou esta interessado, ou deve estar começando a pensar que o Vela ficou louco. 🙂

Agora vai a outra parte mais séria que aprendi, ou melhor conetei, neste workshop como sendo as ferramentas mais importantes.

Existe um Deus que é uma força superior que te completa e te traz felicidade, alegria e amor. Agora vou exercitar a minha tolerância ao máximo aqui. Não importa no que você acredite, existe esta força superior. Quanto mais resistir mais ela vai te perseguir.

Dependendo de suas crenças pode ser Deus, Universo, Inteligencia Infinita e até os agnósticos e ateus isto esta mascarado de bom senso ou razão ou o inexplicável.

Quer você queira ou não esta força está conectada a você e a todo o universo. Na verdade não existe separação é tudo uma coisa só e os problemas psicológicos começam exatamente quando começamos a separar as coisas. 

Para entender melhor a palavra chave que separa as coisas se chama julgamento ou em outras palavras uma crença. Eu já falei aqui no blog sobre crenças há um tempo, mas lá eu falei de forma mais superficial e acho que quando escrevi não sabia realmente o que significava e quais eram a magnitude to impacto em toda a nossa vida.

Re-lendo o post sobre crenças eu vejo que eu estava no caminho correto, mas não sabia a profundidade do impacto destas crenças e acabei não levando tanto a sério e me comprometendo.

A grande questão destas crenças é que elas nos limitam de sermos felizes e conseguirmos o que queremos da vida. Ai que entra a questão dos nossos pensamentos. Eles são nossas crenças e o que pensamos e é isto que tornamos e isto nos limita se não fizermos o oposto que as pessoas “naturalmente” fazem.

O que aprendi no seminário é que tem que realizar um trabalho psicológico para fazer uma avaliação de TODAS suas crenças em todos os níveis i.e. pessoal, mercado, global, social e mais importante espiritual.

Este processo é como que se estivesse se re-programando ou se re-inventado. É mais ou menos uma lavagem cerebral que precisa passar, ou seja, limpar tudo que não é útil e colocar aquilo que é útil.

Uma outra coisa que aprendi foi a questão do impacto do seu nível de consciência e a correlação com seu sucesso e sua felicidade.

Está na lista de livros que li em 2012:  Power vs. Force, David Hawkings.

Este psicologo PhD criou uma escala logaritmântica de consciência que vai de  20 a 1000. Praticamente quem está em 20 ou tá matando alguém ou se matando literalmente( 20  é o nível de vergonha)

O nível 1000 é caras como Jesus que são pessoas iluminadas (Enlightened). O que faz subir na escala de consciência é exatamente isto: Consciência. :P.

Quanto mais consciência mais alto nesta escala você está.  

O trabalho psicológico que tem que fazer é se livrar de sentimentos como medo, preconceito, cobiça,  ódio, raiva, ciumes, suspeita, intolerância, revanche e qualquer outro sentimento que está te dominando como impulso a vício auto destrutivo, preguiça, procrastinação e etc…

Agora aqui vai a dica pra se livrar destes sentimentos. Toda vez que eles vierem você tem que senti-los e não resisti-los, pois esta é a forma que eles vão passar pela gente e nos deixar uma lição ou sabedoria e o que alguns chamam de intenções positivas. A outra dica é NÃO RESISTA porque O QUE VOCÊ RESISTE PERSISTE.

Agora uma coisa que pode te irritar um pouco a princípio e isto é uma excelente ferramenta é a questão de projeção. Imagina aquela pessoa que não consegue perdoar por algumas coisa que vez ou algumas coisa que não fez. Então, grande chances desta pessoa ser você se olhando no espelho. Não fique desesperado é apenas uma ilusão. Perdoe e pessoa e aceite como ela é, pois o que estará fazendo é cultivar o amor próprio.

Voltando a minha jornada espiritual agora entendo quando Jesus responde sobre os dois grandes mandamentos 

“primeiro ame ao Senhor, o seu Deus de todos o seu coração de toda a sua alma e de todo seu entendimento e o segundo ame a seu próximo como a si mesmo” – Mateus 22:37-39

Jesus era uma cara bom pra ir na essência das coisas, lógico, o cara é iluminado. Pra mim isto significa que é tudo uma coisa só então odiar a Deus, o próximo e a si mesmo é a mesma coisa… e uma vez que você perdoa/ama… tudo entra em harmonia. Em outra palavras porque ter preconceito por alguém se este “alguém” é você.

Tem muita coisa pra falar aqui, mas vou finalizar com a melhor ferramenta psicológica que posso te dar. La vai.

Todo mundo tem o direito de graça de conectar com esta força superior. SIM DE GRAÇA!

Pode chamar do que quiser. Intuição, Espirito Santo, Inteligencia Infinita etc. O que tem que exercitar é ouvir esta voz interna e segui-la e aos poucos vai se livrando das coisas que te escravizam e será uma pessoa mais feliz, realizada e bem sucedida e se for o seu seu objetivo. Ser um excelente tradar.

Agora você pode escolher em operar o mercado em um estado mental de frustração, ódio, medo, raiva ou…

Trabalhar seu estado mental e espiritual e operar o mercado em um estado de paz e serenidade.

Como bem dito pelo Ed Seykota na citação do começo: A melhor forma de se tornar um trader melhor é se tornando uma pessoa melhor.

Obrigado pela atenção e desejo a todos os leitores sucesso e felicidade e que cada um encontre a resposta dentro de si e que não lute contra este guia interno, mas que siga-o e seja feliz e realizado.

Para finalizar duas figuras

O quadro que a Kala Tharp, esposa do Van, pintou pra mim durante o seminário. Não só eu mas todos os outros participante. Pra mim foi um presente de Deus e lembro de tudo que escrevi aqui toda vez que olho pra ele.

Thanks Kala Tharp

Sou grato por este lindo quadro que ganhei

E o que desejo pra você a mesma coisa que Van desejou pra mim quando assinou meu livro Super Trader que li em 2009.

Muito Sucesso!

Muito Sucesso!

 

19 Comments

Filed under Jornada, Psicologia de Trading