Um Trade Um Perdedor

“ Life is a process. There is no success or failure—only feedback “ Van K. Tharp

” To avoid whipsaw losses, stop trading.” Ed Seykota

Dando prosseguimento em reportar sobre o meu projeto desafio e analisar os meus sentimentos com relação a seguir meu sistema.

Hoje fui Stopado do meu primeiro trade. YES !!!! Segui as minhas regras e CORTEI MINHAS PERDAS RAPIDO.

Comecei a operar dia 3 de maio. Este trade foi um sobe e desce e a maior parte do tempo o trade ficou no negativo. Confesso que durante o trade tive sentimentos de irritação pela posição mover contra mim, mas esperei pelo melhor sabendo que a pior das hipóteses era o meu STOP e a melhor delas era desconhecida ou até a tendencia terminar.

Falando um pouco do sistema e sobre o trade no meu backtest eu percebi que cometi um erro de vazamento de futuro (future leak), que significa que estava entrando trades com beneficio da percepção tardia (hindsight). No post sobre o sistema a regra diz que entraria no break out de 3 dias caso o fechamento cruzasse o breakout. O problema é que existem dias que o breakout ocorre, entretanto o fechamento fica abaixo do break.

Então, fui na formula do meu backtest e mudei para que comprasse sempre o breakout quando ocorresse no intra day. Os resultados foram que o sistema piorou os resultados, mas ainda continuava um sistema interessante do ponto de vista de indicadores aceitáveis de acordo com meus parâmetros e objetivos em trading.

Analisando os resultados do backtest eu isolei somente os dias onde o fechamento ficou abaixo do breakout (10% dos trades) e percebi que estes trades eram ligeiramente negativos na somatória, embora alguns fossem lucrativos. Diria que a somatoria dos trades ficava no break even. Então, fui la no código de programação e criei uma regrinha para re-testar o sistema, só para desencargo de consciência. A regra era que caso o fechamento fosse menor que break eu sairia do trade no fechamento ou perto dele. Isto exigiria estar operando ao vivo no fim do pregão e tomar a perda caso isto ocorresse. Esse não era meu plano original, pois a ideia era ajustar minha ordem no máximo 2 vez ao dia no after market.

Todavia, os resultados do backtest disse que o resultado do sistema, por incrível que pareça, PIORARIA, se fizesse isto. Então, a conclusão foi que deveria  manter o plano de comprar sempre o breakout no intraday com uma stop buy order.

“It takes guts to keep buying breakouts and cutting losses quickly.” Ed Seykota

Acontece que para minha “sorte” o primeiro trade tomado foi um com esta característica i.e. fechar abaixo do break. Entretanto, como quero seguir uma filosofia sa de trading eu decidi seguir o meu sistema e cortar as perdas rápido, se necessário, mesmo que isto me irrite. Quando me irritei talvez meu inconsciente queria me avisar quando a perda ainda eh pequena, através do meu sistema.

Desde que entrei o trade foi um sobe e desce. A maior parte do tempo o trade ficou no negativo. Mesmo sendo stopado, estou disposto a seguir as regras do sistema, mesmo sabendo que na eventualidade do fechamento ser menor que o break a chance de ser um perdedor é maior do que se fechasse acima.

Isso me faz lembrar uma quote do Ed Seykota

“The trend following strategy does not anticipate anything. The trader might anticipate a top or a bottom, and stick to his system anyway.” Ed Seykota

Assim, no momento que fiquei irritado que o trade ficava no zig zag e quase sendo whipsawed respirei fundo e olhei para minha check list com relação aos meus axiomas.

–          O sistema foi desenvolvido por mim? (YES)

–          O sistema tem uma expectativa positiva? (YES)

–          Eu posso lidar com o MAXIMO DD? (iiiiYYYES… vamos ver)

–          Tem boas regras de gerenciamento de risco e position size? (YES)

–          É um sistema de trend following? (YES)

–          É um sistema que corta as perdas rapidos e deixa o lucro fluir? (YES)

Então não preciso fazer mais nada alem de STICK TO MY SYSTEM sem tentar adivinhar o futuro e celebrar os lucros e as perdas, sabendo que fazem parte do processo. Só preciso seguir a tendência e ir com o fluxo

“ By definition, if you make money in the markets, you are on the right side of a trend.” Ed Seykota

No momento estou negativo 1%, gracas a minhas regras de money management ainda tenho 99% do meu capital pra operar o próximo trade e seguir o meu sistema.

“When you finally decide that you are responsible for your own life—for what has happened in the past—you will find that you get an immense rush of freedom” Van K. Tharp

Clip: http://daveanddawncook.com/wp-content/uploads/2010/04/Follow-the-rules.jpg

Nota Importante: Este não é um site comercial e não tem o intuito de lucrar per se. Dou credito a Ed Seykota todo conteúdo citado do seu website  (http://www.seykota.com). The Trading Tribe FAQ site is copyright (c) Ed Seykota, 2003 – 2011. O artigo acima não pode ser em hipótese alguma considerado como uma recomendação de investimento. Velaepavio é apenas um blog de trading que me permite  compartilhar meus pensamentos e opiniões pessoais com o intuito de desenvolvimento pessoal e de quem estiver interessado a ler meus pensamentos que são opiniões pessoais. Velaepavio não é um agente de investimento registrado e autorizado a dar conselhos sobre investimento. O artigo não leva em consideração circunstancias financeiras pessoais dos leitores. Lembre-se que investir e operar no mercado é arriscado, podendo ocorrer perda significativa de capital num montante igual ou maior que o investimento inicial, caso instrumentos de alavancagem sejam usados. O artigo é propriedade intelectual de velaepavio e apesar de poder ser compartilhada livremente caso o uso for não comercial e com o consentimento do autor caso tenha interesse comercial, estando sujeita a leis de direitos autorais internacionais e locais.

20 Comments

Filed under Independencia Financeira, Jornada, Psicologia de Trading, Vela's Beliefs

20 Responses to Um Trade Um Perdedor

  1. Oi vela, tudo bem? Estava ansioso pelo seu primeiro teste! Eu também estou quase acabando a modelagem do meu TS, para testá-lo numa conta demo… o velho livro do Van Tharp (trade your way) foi um bom guia pra mim, ajudou a “teorizar” algumas idéias que tive.

    Uma dica pra vc: tente adaptar o estilo de entrada do Jesse Livermore (escalonado). Vc reduz muito as perdas e o risco delas, além de maximizar ganhos.

    Agora, uma pergunta: não seria melhor pra vc operar com algum objetivo (take profit) e uma vez atingido, ativar um stop móvel? Pelo menos te dá algo mais palpável para se focar, durante o trade.

    até mais!

    • Oi Joao,

      Com certeza o Van me abriu os olhos para o caminho para o trade lucrativo e a independencia financeira que estou no momento implementando o plano seriamente.

      Sobre sua sugestao nao vem ao caso pois take profit vai contra a filosofia let your profits run. O intuito do teste foi justamente ferificar se a filosofia funciona e funciona melhor do que se tivesse um profit target.

      Sobre scalonar acho interessante, mas quero primeiro manter simples o sistema depois vou testar piramide e outras coisas.

      Quero ficar focado nos principios que tracei e comprova-los neste sistema que vai me dando feed back constante e vou adapta-lo com experiencia e tempo.

      Valeu

      Abraco

      Vela

      • oi Vela. Então, mas justamente para não ferir essa regra de ouro que mencionei: profit target + stop móvel. Uma vez alcançado, ativa o stop e deixa correr.

        só daria um “alvo” psicológico pra vc.

        abraço

  2. Otávio

    Olá VP,

    Eu acho que como vc esta operando prazo diário vc deveria esperar pela confirmação do breakout. A entrada poderia ser no after ou na abertura do dia seguinte. Além disso, vc está backtestando em dados históricos de quantos anos?

    Eu acho importante conhecer o ciclo do mercado e saber qual será o provável comportamento do trading system nesta condição. Isto proporciona maior segurança e encarar os eventuais stops como uma coisa que já era previsível.

    Abs.

    • Oi Otavio eu testei esta estrategia de entrar no after ou na abertura do outro dia e foi pior a estrategia do que comprar o break no intraday. Isso pela caracteristica de mercados asiativos que naturalmente abrem muitos gaps seguindo NY.

      Testei 10 anos de historia o que deu cerca de 160 trades.

  3. Oi Joao,

    Por definicao Let your profits run e exatamente NAO TER UM TARGET.

    A estrategia de saida eh um trailing stop ATR.

  4. Olá velaepavio,
    Também sou um aficcionado por Trading System. Criei uma metodologia para operar o mini-índice na BMF, todas as operações são de daytrade utilizo ele a 2 anos. Tenho opiniões parecidas com algumas que você postou, minha metodologia é baseada em Trend Following (corte os prejuízos rapidamente e deixe os lucros fluírem) e não faço entradas piramidadas. Um problema com TS baseados em trend following é que geralmente os winning rate é baixo, o que para muitas pessoas isso gera uma inquietude ou impaciência que torna a utilização do TS inviável. Uma diferença de pensamentos, no meu TS eu coloco um target que é atingido em torno de 13% dos trades.
    Se quiser trocar experiências visite meu blog http://cztradingsystem.blogspot.com/
    Abraços
    André

    • Ola Andre,

      Por algum motivo eu ja tinha ido no seu blog. Um tempo atras… talvez antes de comecar o blog… nao sei dizer precisamente.

      De qualquer forma parabens pelo trabalho e desejo sucesso.

      Valeu pelo comentario

      O meu sistema na tem target. Ja discutido que o target eh contra a filosofia de deixar o lucro fluir. Mesmo assim eu testei e com target o sistema foi pior na rentabilidade apesar de melhorar um pouco o desvio padrao (menor, menos “volatil”). O sistema faz parte do meu desenvovimento como trader. Faz parte da jornada e tem sido excelente.

      Abraco

      Pedro

      • Olá, obrigado pelo elogio.
        A saída no target deve ser analisado “sistema a sistema”. Na metodologia que utilizo há períodos que a saída pelo target é uma estratégia mais rentável do que aguardar o mercado mudar de mão. Mas também há períodos onde ocorre o contrário, na média e para minha metodologia a saída do trade no target gera uma rentabilidade ligeiramente maior. Outra vantagem da saída no target pouco explorada é que ajuda a diminuir a perda com slippage, target é um preço fixo um valor exato.
        Abraço e sucesso.
        André

  5. Pedro,
    Parabéns pelo post.
    You are in the right path !!!
    All the best
    CGChaves

    • Grande Carlos,

      Valeu pelas palavras de encorajamento e incentivo.

      Continuo seguindo o sistema sem hesitar. Nao postei aqui, mas desenvolvi um sistema short no mesmo ativo com a mesma filosofia de break out, com alguns parametros diferentes, pois nunca se sabe para onde que o mercado vai trend. Estou com 3 perdedores no longo sendo que a expectancy media em unidades de risco em -0.58 e no short estou com 2 vencedores e um perdedor sendo a expectancy de +1.0 all in all no agregado o sistema ta no lucro em unidades de risco/retorno. Assim que tiver mais trades faco uma nova avaliacao dos conceitos de trend following.

      Abraco

      Pedro

      • visotakyju

        oi pedro tudo bem? Nenhuma atualização a vista?

        Bom, durante esse meio tempo terminei a obra-prima do Van Tharp e ainda fiz umas pesquisas sobre métodos de saída, nos boletins do Chuck LeBeau. Tive um insight interessante que pode ser a vcs 2 também:

        Determinar níveis de lucros. Assim que o preço os atinge, o stop móvel é “apertado” para preservar mais lucros à medida que eles são maiores.

        Pra mim faz sentido. Quanto mais você tem, menos está disposto a perder. Também permite deixar o lucro fluir, enquanto o stop não foi atingido.

        Achei uma ideia interessante de ser ao menos testada com dados históricos. Quem souber fazer isso, me avise dos resultados.

        ex: determina os “patamares” de lucro em 3R, 4R, 6R e 7R (R é o risco). Usando um stop móvel de 3ATR: em 3R, reduzir para 2.5. Em 4R, reduzir para 2. Em 6R reduzir para 1.5. Em 7R reduzir para 1ATR.

        Essa ideia pode ser usada não só com o ATR, mas com qualquer stop movel.

        até mais,

        joao.

        • Oi Joao,

          Cara eu sempre entro aqui no meu proprio blog pra checar como que esta o trafego. Como faz tempo que nao escrevo o trafego diminuiu mas continua com uma boa media. Mais de 10mil acessos no total e em media 1,100 ao mes.

          Sobre o seu metodo com certeza eh testavel. E so sabera se vale a pena se testar… O que minha pesquisa diz eh que em posicoes compradas em estrategias de trend following a volatilidade tende a aumentar quando a tendencia esta no final e no posicao vendida a volatilidade tende a diminuir quando a tendencia esta terminando.

          Dito isto acho que em um sistema short a sua ideia tende a funcionar melhor do que num sistema longo.

          Outra coisa eh avaliar se vc esta disposto a ter um sistema com muitos BIG winners de 7R por exemplo. Eh importante avaliar o desvio padrao da distribuicao dos seus trades, pois isto pode ser um fator contra vc quando quiser atingir seus objetivos usando position sizing. Quando mais o desvio padrao maior a volatilidade dos resultados e maior o DD por retorno medio.

          Eu prefiro um sistema com ganhadores na faixa 3-4R (no maximo) com 2-3R na media, mantendo os perdedores no maximo em -1R. Assim nao fico dependendo dos 7R. Assim posso ser mais agressivo no position, pois a volatilidade dos resultados eh menos ou mais perto da media. Tipo uma expectancy em media de 0.5R e uma media de acerto de 35% a 40%. Normal em bons trend following systems.

          Pretendo voltar a escrever em breve sobre o projeto desafio que estou tradando no momento, mas estou com outras prioridades mais importantes que o blog como familia, trading, emprego full time dentre outras. Mas escreverei aqui mais sobre e minha jornada.

          Recomendo vc ler os livros do Howard Bandy. Estou lendo o mais recente no momento Modeling Trading System Performance. Muito bom. Se quiser comecar a programa em Amibroker e testar suas ideias acho que eh o caminho.

          Obrigado por participar.

          Abracao

          Vela

  6. Howard Bandy? Quais livros vc recomendaria, pra começar? Pelo que vi ele escreve sobre projetos de trading systems.

    Eu preciso desesperadamente aprender a programar em mq4 (a linguagem da plataforma Metatrader 4), vai me ajudar muito a avaliar algumas ideias. Mas é pra isso que existem as férias.

    Quanto à ideia de apertar o stop móvel, na verdade eu nem contaria com um TP mesmo de 7R, seria mais um objetivo altíssimo que poderia ser atingido, caso a tendência fosse extremamente forte. Mas se não for de interesse, podes simplesmente aumentar a taxa de redução do stop móvel.

    até mais,
    joao.

    • Fala Joao,

      Entra no site da editora dos livros do Howard. http://www.blueowlpress.com/

      Pode comecar com o Quantitative Trading Systems ou o Introduction to AmiBroker (se quiser fazer back test no AB). Como tem interesse mais em FX entao melhor ir pra MT4. Eu ja tradei, mas nunca programei. Mais complicado, mas isto depende de quao disposto esta a aprender. A internet ta cheia de manual, depende so de vc arregacar as mangas.

      Abraco

      Vela

  7. Comecei a pouco tempo a montar um plano de operação, fico muito feliz por perceber que estou seguindo um caminho parecido com o de várias pessoas que se mostram bem sucedidas, não necessariamente com lucros extraordinários, mas com regras sólidas de gestão financeira, psicológicas e claro dos padrões gráficos/fundamentalistas pessoais de cada trade system particular.

    Não estipulei um tempo para acabar de montar meu trade system, estipulei 21 ações de teste, a principío estou testando apenas uma, analisando e anotando seus sinais e vendo quando eles se repetem, fazendo simulações de trades no passado de como eu deveria entrar e sair e ter uma rede de segurança caso tudo dê errado, espero ancioso pelo dia de postar alguma referência de conclusão do meu trade system e dos possíveis resultados.

    Obrigado ao vela e aos demais que acabam estimulando esse estudo/trabalho meticuloso de montar um trade system.

  8. Hoje reli o que o pessoal tem discutido e achei que possa ser válido eu dar a minha opinião sobre a idéia de target vs stop.

    Eu estou analisando/guardando padrões de comportamento do gráfico de uma ação, assim que acabar irei para outra.
    No meu sistema estipulo o seguinte:

    1 – deve existir um padrão claro e fácil de perceber sem “forçar a vista” que preceda algum outro sinal, ou seja, para eu aceitar um sinal antes alguma configuração tem que acontecer;
    2 – uma vez que esse padrão surgiu posso aceitar algum determinado sinal, aqui começa a entrada no trade;

    3 – faço o gerenciamento de risco estipulando onde o preço deve ir para eu entender que a operação deu errado e nesse ponto devo cortar meus prejuízos;
    4 – calculo a diferença que existe entre o ponto de entrada o stoploss e vejo qual deve ser o tamanho da minha posição arriscando apenas uma pequena porcentagem da minha conta;
    5 – se a quantia na conta está entre R$ 1.000,00 – R$ 9.999,99 (4 dígitos na parte inteira) então vario o meu risco entre 2% e 1,5%, se meu capital está na casa de 5 dígitos vario o meu risco entre 1,5% a 1,0%, se o meu capital está na casa de 6 dígitos então vario o risco entre 1,0% e 0,5%, chegando a 7 dígitos (1 milhão) será entre 0,5 até 0,25 (R$ 5.000,00 a R$ 2.500,00), acho essa idéia razoável para poder trabalhar com tranquilidade;

    6 – para sair da operação tenho a opção:
    a – do stoploss, caso o movimento vá contra o que eu pretendia;
    b – e o stopgain a príncipio seria um canal de desvio padrão, para o caso da ação me surpreender e dar um salto a meu favor;
    c – e a saída mais consciente seria da mesma forma que entrei, mediante algum padrão pré-estabelecido, só que com o diferencial de que para sair é mais rápido do que para entrar, aceito o primeiro sinal que aparecer de venda e geralmente tem sido a opção mais lucrativa.

    Assim uso o stoploss e um target (stopgain), porém muitas vezes prefiro sair no meio termo, nem ter o menor dos lucros possíveis naquela operação e nem o maior, apenas o garantido, sereno e tranquilo.

  9. Pingback: Lista de todos os posts do Velaepavio « Velaepavio's Blog

Leave a Reply